Tomate: Reserva finaliza transplantio do cedo

605 0

Neste ano, alguns produtores da região de Reserva (PR) adiantaram o transplantio de tomate das roças do “cedo” para julho, dois meses antes do normal. Há dois anos, produtores de maior escala de produção adiantam a safra, para evitar coincidir com o início da temporada de Caçador (SC), e também para escalonar a produção.

Com a mudança, já estão sendo colhidos alguns frutos em outubro, mas o pico de oferta será entre novembro e dezembro, quando 90% da área deverá ser colhida – se encerrando em janeiro. Como nesta temporada do “cedo” geralmente há menor incidência de insetos e doenças, a produção costuma ser maior: o rendimento pode variar de 250 a 300 caixas por mil pés, segundo produtores.

Fonte: hfbrasil.org.br

Deixe seu comentário para a noticia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *