Governador anuncia novos valores do salário-mínimo no Paraná

733 0

O salário-mínimo regional do Paraná vai variar de 1.306 reais e 80 centavos a 1.509 reais e 20 centavos. As novas faixas entram em vigor a partir do próximo dia 1º de fevereiro, quando vai ser assinado o decreto que formaliza o reajuste. Os novos valores foram anunciados nesta sexta-feira pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, em conjunto com o secretário da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, no Palácio Iguaçu, em Curitiba. De acordo com o governador Ratinho Junior, o Paraná tem um dos maiores salários-mínimos regionais do país.

Com o reajuste, conforme ressaltou o governador, aumenta o poder aquisitivo dos trabalhadores. O reajuste de 4,71% foi referendado nesta semana por um conselho tripartite, que tem a participação de representantes do poder público, de empregados e empregadores. Segundo o secretário Ney Leprevost, o mínimo regional já entra na folha de fevereiro.

O valor estabelecido fica acima do mínimo nacional, que é de 998 reais. Na categoria dos trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca, o piso sobe para 1.306 reais e 80 centavos. Para o segundo grupo, no setor de serviços administrativos, serviços gerais, de reparação e manutenção e vendedores do comércio em lojas e mercados, o piso chega a 1.355 reais e 20 centavos. Esta categoria engloba também a classe de trabalhadores domésticos. Empregados na produção de bens e serviços industriais terão piso de 1.403 reais e 60 centavos. Para o quarto grupo, na categoria de técnicos de nível médio, o piso passa para 1.509 reais e 20 centavos.

O salário-mínimo regional no Paraná foi implantado em 1º de maio de 2006. Desde 2017, a data-base vem sendo reajustada pelo mesmo percentual aplicado para o salário-mínimo nacional e também antecipada em um mês por ano para que, em 2020, venha a coincidir com a data-base nacional, ou seja, 1º de janeiro.

Deixe seu comentário para a noticia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *