Centrais de Relacionamento da Sanepar reabrem para atendimento ao público

120 0

A Sanepar reabriu nesta terça-feira (19) as Centrais de Relacionamento em todo o Paraná, seguindo protocolo de segurança sanitária. O horário de atendimento ao público obedece a decretos de cada Município sobre funcionamento das atividades.

Embora o movimento tenha sido tranquilo, sem aglomeração, as principais demandas dos clientes – como solicitação de serviços e emissão de segunda via da conta – poderiam ter sido resolvidas de forma virtual, por meio do site, e-mail corporativo, Aplicativo Sanepar Mobile ou pelo telefone 0800-200-0115. Houve ainda demandas de parcelamento de fatura e análise do consumo, que também podem ser feitas, sem o cliente precisar ir à Sanepar. Todos os serviços disponíveis que pode ser solicitados nas Centrais, tais como pedidos de novas ligações de água e esgoto podem ser feitas por e-mail.

No site da Sanepar (www.sanepar.com.br), em Centrais de Relacionamento, estão disponíveis os serviços e as orientações (como documentos a serem enviados por e-mail) para os clientes. “Só devem ir às Centrais de Relacionamento as pessoas que têm dificuldade com o meio eletrônico. Desde o início da pandemia, tem buscado aprimorar o atendimento virtual”, afirma o gerente de Atendimento ao Cliente, Guilherme Arioli.

A Sanepar também reforçou em 25% a equipe de teleatendimento (0800-200-0115) nesse período em que há um aumento de demanda por informações da Sanepar, principalmente em função da crise hídrica que atinge todo o estado.

Para o atendimento, os empregados estão usando equipamentos de proteção, como máscara e face shield (escudo facial). Nas unidades, há demarcação de espaços que define a distância mínima entre as pessoas, equipamentos de aspersão de álcool e álcool em gel para uso dos clientes e limpeza permanente dos equipamentos. A permanência nas áreas internas segue cálculo recomendado pela Secretaria Estadual de Saúde e ainda há totens de autoatendimento para agilizar o serviço e evitar a formação de filas. Os clientes também devem usar máscara, conforme determina decreto estadual.

Deixe seu comentário para a noticia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *