Conselheiros tutelares são empossados em Telêmaco Borba

131 0

O CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e a Prefeitura de Telêmaco Borba realizaram na tarde desta sexta-feira, 10 de janeiro, na sede do Conselho Tutelar, à solenidade de posse dos membros do Conselho Tutelar (CT) do município de Telêmaco Borba, eleitos no dia 6 de outubro de 2019, para o mandato de 2020 a 2023.

A posse foi dada pelo prefeito Dr. Marcio Matos, pela presidente do CMDCA, Flavia Bueno da Luz e pelo secretário de Assistência Social, Cleverson Silva dos Santos.

Foram empossados os conselheiros Francieli Xavier, Luiz Antonio Marcondes de Oliveira e Paulo Roberto de Oliveira, reeleitos e os novos, Lidyane Veronica de Souza Ribeiro e Cassiana de Lima.

Como suplentes estão Janete Aparecida Betim Ferreira, Rosângela Aparecida da Silva, Leia Silva Machado, Marcos Augusto Lagos e Marcely Mendes Pereira.

Esta foi a primeira eleição para o conselho utilizando-se o recurso da urna eletrônica disponibilizada pela Justiça Eleitoral da Comarca.

O prefeito Dr. Marcio parabenizou os conselheiros e destacou o papel fundamental do CT na sociedade como uma entidade que trata das questões pertinentes à criança e ao adolescente. “Sei da qualificação deste pessoal, pelo método de escolha, o amparo que recebe das entidades constituídas como Poder Judiciário, Promotoria Pública, a Prefeitura, Câmara de Vereadores, enfim um trabalho que atende as necessidades do cidadão no atendimento ao público alvo”.

Já o presidente da Câmara Ezequiel ressaltou o quanto é necessário o serviço do conselho para a sociedade. “É importante que a população conheça e deste modo valorize o trabalho do conselheiro tutelar, que zela pelos direitos das crianças. Peço que Deus os abençoe na condução desta atividade de extrema importância”.  

O secretário de Assistência Social Cleverson saudou os conselheiros e desejou êxito na importante tarefa em defesa das garantias dos direitos que trata da criança e do adolescente. “Os conselheiros que chegaram até aqui foram por suas competências e qualificações. E para garantir esses direitos das crianças é preciso muito estudo, conhecimento, determinação e comprometimento. Que vocês tenham sempre em mãos o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) para norteá-los em todos os momentos. Sabemos do desafio que terão, porque enfrentamos tantos problemas com as drogas que afetam diretamente aos jovens”.

A presidente do CMDCA Flavia explicou cada etapa do processo que iniciou em março do ano passado com as inscrições, provas, e as eleições em outubro. “Foi um processo longo e de muito trabalho. Somos gratos a todos que colaboraram a exemplo a Secretaria de Assistência que auxiliou na questão de recurso, funcionários para organização de prova e atuar como mesário, a Prefeitura como um todo, as demais secretarias, procuradoria que nos orientou, a comunicação e a imprensa na divulgação e ao todos os membros do CMDCA, em especial a comissão organizadora que desempenhou um grande papel, parabéns aos eleitos e empossados e que possam desempenhar seu importante papel na sociedade em defesa dos direitos da criança e do adolescente”, frisou.

A eleição para a presidência do Conselho Tutelar, que é feita entre os próprios conselheiros, ocorrerá na semana que vem. Atualmente está à frente dos trabalhos Luiz Antonio Marcondes de Oliveira. O mandato na função é por seis meses, podendo estender a um ano.

Mensagem dos conselheiros empossados

A conselheira Lidyane Veronica de Souza Ribeiro, eleita para o seu primeiro mandato,  se comprometeu a desempenhar da melhor forma as obrigações pertinentes ao Conselho Tutelar, sabendo da grande responsabilidade na função que lhe confiaram. “O farei com dignidade zelando pelas crianças e adolescentes que necessitarão muito de nós”.

Cassiana de Lima, pela primeira vez eleita conselheira, agradeceu e pediu o apoio de todos para um bom êxito nos trabalhos. “Quero oferecer o que tenho de melhor nesse trabalho que irá exigir o máximo de dedicação e comprometimento. Teremos sim dificuldade, mas com empenho obteremos muitas conquistas”.

Luiz Antonio Marcondes de Oliveira, atual presidente do CT, chega ao seu segundo mandato. “O conselho jamais trabalha sozinho, não consegue. Há momentos em que a gente irá para rua para atendimentos complicados, mas depois desta etapa iremos precisar do que a gente chama a Rede de Proteção para que os adolescentes, as crianças e as famílias realmente seja atendida e diminuamos em nosso município os fatos tristes de ocorrências em que muitos deles perdem suas vidas e é o que a gente não deseja”.

Paulo Roberto de Oliveira, em seu terceiro mandato, convidou os representantes da sociedade em auxiliá-los na tarefa de dar o atendimento e o amparo a àqueles que vivem ou estão em situação de vulnerabilidade. “O Conselho Tutelar está de porta abertas a todos e tudo que estiver em nosso alcance nós faremos e não mediremos esforços”.

Francile Xavier, cumprirá o terceiro mandato. “O CT não é bem quisto pela sociedade que tem uma interpretação errada da nossa função. O conselho não é um órgão de punição e sim de proteção e é o que nós tentamos fazer. Deixar muito claro que não atrapalhamos a criação de filhos e sim empoderarmos o pai e a mãe para que eles possam cuidar melhor da formação deles”.

CAPACITAÇÃO – Os conselheiros passarão por uma capacitação nos próximos dias 23 e 24 de janeiro por intermédio de uma empresa contratada especialidade nas questões relacionadas a criança e ao adolescente. Será aberto aos conselheiros e a rede de atendimento, tanto titulares como suplentes.

PAPEL DO CT – A principal função do Conselho tutelar é a proteção e garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes segundo o seu Estatuto, o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente. O papel do Conselho Tutelar começa a agir sempre que os direitos de crianças e adolescentes forem ameaçados ou violados pela sociedade, Estado, pais, responsável, ou em razão de sua própria conduta.

Participaram da solenidade Cesinha Marcondes, Miltinho Machado, Élio Cezar (Fubá) e Toto Soares.

LOCALIZAÇÃO – O Conselho Tutelar de Telêmaco Borba está localizado na Rua Quinze de Novembro, S/N, Centro, nas imediações da Praça da Família.

 O telefone de contato é (42) 3904-1618 e o celular para atendimentos de plantão e emergência (42) 99972-0167.

Deixe seu comentário para a noticia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *